Mais um ano começa. Tantas oportunidades de projetos novos que podemos começar, sonhos a serem alcançados… Mas o assunto que domina os lares é quase sempre a dificuldade em pagar as diversas contas que acumulam no início do ano, como o IPVA e o IPTU, sendo este último com alta de 9,5% (em São Paulo), comparado a 2015.

O mais irônico disso é que toda vez é a mesma coisa: todo mundo sabe que vai ter mais contas para pagar, tem noção da faixa de preço e da data, mas mesmo assim não se planeja, passando sufoco ano após ano. Isso é um hábito, um costume nosso, e por isso que a educação financeira é a maneira mais eficaz, pois trabalha uma mudança de comportamento.

É importante pararmos de dar desculpas para não fazer o que deve ser feito. Vamos começar agora mesmo a mudar e ver os resultados positivos o quanto antes. Embora a de muita gente seja assim, a vida não é feita apenas para pagar contas; o nosso objetivo é realizar sonhos e sermos felizes. E uma ótima maneira de conseguir é fazendo um bom planejamento.

Isso vale especialmente para gastos fixos, como é o caso de IPTU e IPVA, pois já se tem todas as informações necessárias. Com esse controle, é possível, inclusive, ir guardando dinheiro para todos esses compromissos, pagando à vista e com desconto.

Falando especificamente do IPTU e IPVA, uma dúvida muito comum é em relação à condição de pagamento: à vista ou a prazo? Mas, antes de ter essa resposta, é preciso saber em que situação financeira se encontra: endividado, equilibrado financeiramente ou investidor. Se for a primeira ou segunda opção, já se sabe que não conseguirá realizar o pagamento inteiro de uma vez, sobrando o caminho do parcelamento.

Caso seja possível, o pagamento deve ser feito à vista, obtendo 3% de desconto no IPVA e 5%, em média, no IPTU.

Reinaldo Domingos

Reinaldo Domingos é PhD. em Educação Financeira, escritor, educador e terapeuta financeiro. Presidente da DSOP Educação Financeira, da Editora DSOP e da Abefin, publicou o best-seller Terapia Financeira, o recém lançado Empreender Vitorioso com Sonhos e Lucro em Primeiro Lugar e os livros Livre-se das Dívidas, Mesada Não É Só Dinheiro, Ter Dinheiro Não Tem Segredo, Eu mereço ter dinheiro!, Papo Empreendedor, Sabedoria Financeira e a série O Menino do Dinheiro – Sonhos de Família, Vai à Escola, Ação Entre Amigos, Num Mundo Sustentável e Pequeno Cidadão, O Menino e o Dinheiro, O Menino, o Dinheiro e os Três Cofrinhos, O Menino, o Dinheiro e a Formigarra. Mais de 4,5 milhões de exemplares de suas obras já foram vendidas.