Casamento é união, soma e troca, seja qual for o assunto. Mas e quando se trata de finanças, como funciona? O que é certo e o que é errado? Esse é o tema que resolvi tratar hoje aqui no blog, já que maio está chegando e ele é considerado o Mês das Noivas.

Soa até um pouco racional demais falar sobre dinheiro quando o assunto é casamento, mas a verdade é que esse tema é um dos maiores causadores de discussões e até separações entre os casais. Portanto, vale a pena falar sobre ele e desmistificar alguns pontos importantes.

Não há regras nesse jogo, a única coisa que é indispensável é a conversa. Não importa se apenas um paga tudo, se dividem igualmente os valores de todas as contas ou se cada um paga proporcional ao seu ganho mensal, mas, qualquer que seja a decisão, é preciso que seja feita em conjunto, em comum acordo, para evitar problemas muito sérios mais pra frente.

Uma prática que os dois devem adotar é falar sempre sobre sonhos. Eles unem ainda mais o casal e ainda evitam problemas financeiros. Por que? Simples, porque, quando temos um objetivo na vida, temos foco e acabamos gastando menos com coisas supérfluas e por impulsos consumistas. Um ponto importante é ambos terem sonhos individuais e coletivos, não apenas um dos dois.

Esse é um aspecto de extrema importância no planejamento financeiro, até porque, na conta do orçamento, o valor destinado aos sonhos deve vir antes mesmo do que o das despesas regulares do dia a dia. Não adianta esperar que sobre dinheiro no final do ano, pois isso não acontece. Então, retira-se a quantia necessária e, com o que sobrar, adequa-se o padrão de vida. Acreditem, é possível viver assim, tendo muito mais realizações.

Relacionem, juntos, no mínimo, três sonhos: um de curto (até um ano), um de médio (de um a dez anos) e outro de longo prazo (acima de dez anos). Pode ser uma simples compra de eletrodoméstico/eletrônico, uma viagem para algum lugar que queiram ou a chegada de um filho até a troca do carro, a aquisição da casa própria ou a aposentadoria sustentável.

A felicidade depende somente da gente. Nós decidimos a vida queremos ter e traçamos as estratégias para alcançar. E a educação financeira é o melhor caminho para essa jornada.

Reinaldo Domingos

Reinaldo Domingos é PhD. em Educação Financeira, escritor, educador e terapeuta financeiro. Presidente da DSOP Educação Financeira, da Editora DSOP e da Abefin, publicou o best-seller Terapia Financeira, o recém lançado Empreender Vitorioso com Sonhos e Lucro em Primeiro Lugar e os livros Livre-se das Dívidas, Mesada Não É Só Dinheiro, Ter Dinheiro Não Tem Segredo, Eu mereço ter dinheiro!, Papo Empreendedor, Sabedoria Financeira e a série O Menino do Dinheiro – Sonhos de Família, Vai à Escola, Ação Entre Amigos, Num Mundo Sustentável e Pequeno Cidadão, O Menino e o Dinheiro, O Menino, o Dinheiro e os Três Cofrinhos, O Menino, o Dinheiro e a Formigarra. Mais de 4,5 milhões de exemplares de suas obras já foram vendidas.