O Brasil está passando por momentos de incertezas e dificuldades financeiras em função da situação político-econômica tão delicada que se criou nos últimos dois anos. Por esta razão, muitos brasileiros convivem, hoje, com orçamentos muito apertados, que podem levar ao descontrole das finanças e, consequentemente, dívidas.

O aumento do número de inadimplentes tem sido significativo e o cartão de crédito tem sido o grande “vilão” dessa história há algum tempo. Dos principais tipos de dívidas atrasadas cerca de 80% é em cartão de crédito. Muitos brasileiros não sabem lidar com essa ferramenta, encaram-na como dinheiro, quando, na verdade, é apenas um tipo de crédito para ser utilizado de forma consciente e inteligente. Essas pessoas usam como se não tivessem que pagá-lo depois, como se não houvesse amanhã.

Livre-se de vez do endividamento! Adquira já o Curso EaD Como Quitar suas Dívidas e saia desta situação!

Diante desse quadro, um novo tipo de cartão está sendo oferecido na praça há cerca de 3 ou 4 anos: o cartão pré-pago, que pode, em muito, ajudar no controle do orçamento pessoal e familiar, “pois é uma forma de substituir o dinheiro de papel pelo dinheiro de plástico, com acesso mais simplificado a serviços de uma conta corrente tradicional num banco”, como diz Sérgio Kulikovsky, CEO da Acesso, que administra o AcessoCard, uma das principais empresas do ramo que oferecem esse tipo de meio de pagamento.

Essa nova modalidade de cartão, ao invés de ser apenas uma forma de crédito, transforma-se num instrumento de pagamento daquilo que seu dono pode gastar num período de tempo, já que antes de começar a usar é necessário carregar com um valor que será o limite de gastos dentro de um determinado período de tempo, o que pode ser uma excelente maneira de algumas pessoas não entrarem em dívidas.

São inúmeras as vantagens da utilização desse tipo de meio de pagamento: controle de gastos, planejamento de despesas, compras online, limite de gastos em viagens, mesada para os filhos, pagamentos de funcionários ou prestadores de serviços, carregamento do cartão online, bloqueio em caso de roubo ou clonagem – o que garante a segurança do valor carregado e, principalmente, elimina o risco de endividamento, já que, quando acaba o valor carregado o cartão fica sem uso.

Mas é preciso ficar de olho em alguns pontos importantes também, principalmente nos custos do uso do cartão. Algumas empresas que oferecem esse tipo de serviço podem cobrar taxa pela emissão do cartão, taxa de mensalidade, taxa de recarga, custos pelos serviços e algumas tarifas pela utilização, como saques em bancos 24 horas, entre outros. Na verdade, quase todos esses custos também existem nas operadoras dos cartões comuns, mas é sempre bom ficar de olho nos valores cobrados pelos cartões pré-pagos e negociar na hora de adquirir.

Então, se você é uma dessas pessoas que está procurando alternativas para se reorganizar financeiramente, mas não quer ficar sem as vantagens de possuir um cartão de crédito, aproveite para conhecer um pouco mais sobre esse tipo de cartão. Quem sabe pode ser a solução que você procura.