Carnaval sem dívidas

O feriado prolongado, que para muitos é sinônimo de viagens, descanso ou de cair na folia, está chegando, mas muitos ainda não se programaram financeiramente. Pode não parecer, mas é bastante comum que a descontração e a euforia do Carnaval se transformarem em descontrole financeiro.

Portanto, independente dos planos, procure ter consciência de sua condição financeira, sabendo exatamente quais são os seus ganhos e gastos, para conseguir planejar. Vejo que em períodos como este as pessoas se empolgam e acabam gastando o que não podem, na intenção de curtir o momento – algo que pode se transformar em preocupação nos meses seguintes.

Caso esse seja o seu comportamento, é melhor revê-lo e tentar trazer a razão de volta. Educar-se financeiramente é o caminho para que as finanças não fujam do controle em situação alguma. A maioria da população não teve a oportunidade aprender a lidar com o dinheiro e, por isso, tem esse problema hoje.

Mas vamos às orientações práticas: Se for em um bloco ou festa e precisar de uma fantasia, veja se não é possível usar a mesma do ano passado. Caso não tenha, pegue emprestado de um amigo ou familiar ou faça a sua, customizando alguma roupa. O aluguel, geralmente, custa caro e não costuma valer a pena.

Dá para economizar também na bebida, afinal de contas, exagerar no álcool não faz bem nem pra saúde física, nem para a financeira. Se for viajar, faça as contas e veja o quanto pode gastar sem comprometer o orçamento, só então pesquise os melhores os pacotes e condições de pagamento.

Agora está em cima da hora, então, talvez, o melhor a fazer seja aproveitar de acordo com que o orçamento mensal permite, sem se endividar, e se programar para realizar aquele grande plano no próximo ano, já se planejando desde agora. Respeitando o padrão de vida, é possível sim se divertir sem cair no descontrole financeiro.

Reinaldo Domingos

Reinaldo Domingos é PhD. em Educação Financeira, escritor, educador e terapeuta financeiro. Presidente da DSOP Educação Financeira, da Editora DSOP e da Abefin, publicou o best-seller Terapia Financeira, o recém lançado Empreender Vitorioso com Sonhos e Lucro em Primeiro Lugar e os livros Livre-se das Dívidas, Mesada Não É Só Dinheiro, Ter Dinheiro Não Tem Segredo, Eu mereço ter dinheiro!, Papo Empreendedor, Sabedoria Financeira e a série O Menino do Dinheiro – Sonhos de Família, Vai à Escola, Ação Entre Amigos, Num Mundo Sustentável e Pequeno Cidadão, O Menino e o Dinheiro, O Menino, o Dinheiro e os Três Cofrinhos, O Menino, o Dinheiro e a Formigarra. Mais de 4,5 milhões de exemplares de suas obras já foram vendidas.