“Tudo me é lícito, mas nem tudo me convém! ” – Apostolo Paulo

Sonhar

Sim, para sonhar é preciso coragem! Digo isso por experiência própria. Quando despertei para a realidade da minha quase falência financeira, tive que primeiro ter coragem para sair dos modelos tão usuais e repetidos envoltos em planilhas e cálculos do que até então entendia por orçamento e procurar um caminho diferente.

Percebi que só podia estar fazendo algo de muito errado ao longo dos anos. Os números estavam sempre contra mim? Achava tudo muito injusto? Afinal, as fórmulas matemáticas que compunham as mais variadas planilhas foram exaustivamente conferidas e analisadas. Foi então que a Metodologia DSOP me mostrou que o maior inimigo do meu falso orçamento se chamava comportamento.

Entendi que meu comportamento gerava uma falsa sensação de que tudo podia. Realmente tudo posso, mas nem tudo me é lícito como na frase de início. Assim, por meio do empoderamento possibilitado pelos falsos recursos do crédito fácil, como cartões de crédito com limites que iam muito além da minha renda mensal, cheque especial disponível, vivi por muitos anos com a sensação de poder de compra que não existia, afinal nenhum desses recursos eram meus e paguei o preço alto dos juros por anos.

Foi preciso coragem para trocar as diversas planilhas por uma só, na qual meus sonhos estavam no topo dela, protegidos e blindados por um novo modelo mental. Todos os dias olho para eles com amor e orgulho, pois foram o meio da minha tomada de consciência.

Foi preciso muita coragem para mudar hábitos, costumes, enfrentar alguns da família e amigos que pensaram: “Enlouqueceu?” “Fizeram lavagem cerebral?” Mas, tudo isso está valendo a pena pois há algum tempo finalmente os números batem! Agora sei que tudo poderei, analisando o que me convém e se tiver coragem para sonhar!

Paloma Alves
Educadora Financeira da DSOP Educação Financeira

Educadora Financeira DSOP e Gestora Administrativa e de Pessoas, formada em Gestão de RH.