Sonhos podem ser realizados. Afirmo isso, pois adoro viajar com a família durante as férias escolares de minha filha. Este é o nosso sonho de curto prazo: conhecer pelo menos um novo país por ano. Fazemos reuniões no final de cada ano para decidir quais serão os países que gostaríamos de visitar no ano seguinte. Uma vez definidos os locais, partimos para a pesquisa de preços.

É impressionante como se consegue economizar quando existe uma pesquisa detalhada de preços. Por exemplo, em nossa viagem a Dubai, descobrimos que conseguiríamos uma extensão para a Jordânia com um pequeno acréscimo na tarifa aérea. Ali conhecemos a generosidade do povo, o saboroso tempero de sua culinária, as exuberantes mesquitas e, principalmente, o Mar Morto, uma experiência única e inesquecível. Também descobrimos que poderíamos fazer uma parada mais longa na chegada à Dubai, a caminho da Jordânia, que a companhia aérea nos hospedaria, sem custo, em um hotel perto do aeroporto, com direito a translado, jantar e café da manhã.

Estas pesquisas, discussões em blogs, nos proporcionam hospedagens bem mais em conta. Normalmente locamos a estadia no Airbnb porque assim podemos fazer algumas das refeições em casa, que é importante tanto para passarmos mais tempo em família, quanto pelo custo e qualidade das refeições, sem mencionar a experiência de passear pelas gôndolas dos supermercados locais.

Não fazemos seguro viagem nem seguro de automóveis porque compramos as passagens em nosso cartão de crédito, que nos oferece estes seguros gratuitamente. Posso garantir que os serviços oferecidos são muito bons.

Sempre que possível fazemos as compras das atrações que pretendemos visitar aqui mesmo no Brasil, antes do início da viagem. Isso nos garante o preço fixado em reais e algumas vezes até conseguimos dividir o valor total em prestações iguais sem juros.

Estas pequenas economias são preciosas e nos permitem fazer viagens incríveis.

Assim que definimos o valor de nosso sonho de curto prazo (as viagens), partimos para a realização de nosso orçamento anual, que segue o modelo da DSOP: Receitas – SONHOS – Despesas = Sobras ou Faltas. Então para que sejamos sustentáveis a longo prazo, em outras palavras, para termos Sobras, necessariamente precisamos ajustar nossas Despesas para que os nossos SONHOS caibam neste orçamento. Seguimos esta regra como se fosse uma religião, sem atalhos, sem exceções; se ultrapassamos o valor planejado na primeira viagem, a de janeiro, a outra fica comprometida. Mais importante ainda é que não caímos na tentação de realização dos sonhos de curto prazo em detrimento ao sonho de longo prazo, ou seja, não retiramos os valores destinados à nossa independência financeira (sonho de longo prazo) para realizarmos nossas viagens (sonho de curto prazo).

Embora façamos um orçamento no final de cada ano, este não imutável. Os ajustes são dinâmicos e não comprometem o objetivo final que é nos manter em equilíbrio financeiro. Assim, se recebemos um valor não esperado, parte é poupado e o restante é remanejado para a realização de nossos sonhos. É importante realçar algo muito importante: nosso orçamento leva sempre em conta a realização de nossos sonhos, sejam eles de curto, médio ou longo prazo.

A realização destes sonhos só é possível porque decidimos como e onde iremos gastar. Então não é um sacrifício enorme para nós deixarmos, por exemplo, de tomar um café todos os dias na padaria porque sabemos que estes valores economizado serão utilizados em nossas viagens e na nossa independência financeira.

Um Educador Financeiro poderá ajudá-lo a realizar seus sonhos num prazo bem menor que você poderia imaginar.

Sergio Braga

- Membro da Associação Brasileira de Educadores Financeiros – ABEFIN;
- Educador Financeiro DSOP;
- Graduado em Engenharia Mecânica pela Escola de Engenharia Mauá;
- Pós graduação em Administração de Empresas (FGV), Finanças (IBMEC) e Contabilidade (USP);
- Treinador Comportamental – IFT (Instituto de Formação de Treinadores);
- Coach – IBC (Instituto Brasileiro de Coaching);
- Leader Coach – BCI (Behaviroral Coaching Institute);
- Coaching Financeiro – ICF (Instituto Coaching Financeiro);
- Hipnose para Treinadores e Coaches – IBFH (Instituto Brasileiro de Formação em Hipnose);
- Practitioner em PNL (Programação Neuro-Linguística) – The Society of Neuro-Linguistic Programming