Vídeos
Tendência

Cartão de crédito, quantos ter e como usá-los


Por | Andréia Lima

Você saberia responder quantos cartões  tem na sua carteira hoje? Ou melhor, você acredita que  ter apenas um cartão de crédito seja o suficiente para atender suas necessidades?

Constantemente nos deparamos com pessoas que pensam que possuir vários cartões de crédito significa status e poder de compra. 

Quem ainda não possui, sonha com o dia em que irá adquirir essa  forma de empréstimo a prazo e, claro,  aproveitar todas as vantagens que ela oferece.

Assim como existem pessoas que possuem diversos cartões diferentes no bolso com as mais diversas justificativas, tais como:  o fato de não ter anuidade,  os benefícios de  trocar os gastos no cartão de crédito por pontos, prêmios, milhas, bônus, descontos e por aí vai.

São tantas  ofertas que se você for aproveitar todas as vantagens, provavelmente irá se complicar em meio a tantas faturas. 

Cerca de 12 milhões de famílias brasileiras estão endividadas atualmente, segundo uma pesquisa da Confederação Nacional do Comércio, Bens, Serviços e Turismo (CNC)

E o cartão de crédito é o maior vilão entre os devedores, segundo o estudo. Essa forma de pagamento representa quase 85% de todas as dívidas dos brasileiros. Em segundo lugar, aparecem os carnês

Também consta que o tempo médio para a quitação das dívidas atrasadas é de, em média, 60 dias. O recorde no número de dívidas atinge todas as famílias, independente da condição financeira, aponta pesquisa da (CNC). 

Logo, é extremamente importante tomar cuidado para não perder o controle e acabar comprometendo todo seu orçamento.

Mas será mesmo que o cartão de crédito é o problema ?

É inegável que, nos dias de hoje, é muito mais fácil e seguro andar com um cartão de crédito na carteira do que com dinheiro em espécie. 

Afinal de contas, é mais prático usar um cartão, caso aquele produto seja mais caro do que o previsto, ou caso ocorra algo inesperado. 

E claro, como já mencionamos, a segurança é outro item a ser considerado. Além de evitar que você ande por aí com grandes quantias de dinheiro, o cartão de crédito ainda oferece várias vantagens.

O fato dele  disponibilizar um tempo extra para você se organizar antes de ter que, efetivamente, pagar por aquela compra é uma delas. 

Mas não esqueça de fazer as  contas. O interessante é que a soma dos limites de todos os cartões comprometa, no máximo, 30% da sua renda líquida. Isso evitará a tentação futura de se comprometer com compras que você não poderá pagar.

Como já ressaltamos, saber usar o cartão de crédito com bom senso é primordial para que você possa realmente desfrutar dos benefícios dessa forma de pagamento sem se atrapalhar.

Existe um número de cartões ideal?

A resposta para essa pergunta é que, apesar de não haver um número de cartões de crédito ideal, é necessário ter cautela para não acabar exagerando. Normalmente é melhor optar por dois cartões.

Um com vencimento um dia após o pagamento do salário e outro com vencimento 15 dias depois, principalmente se você receber adiantamento, ou caso tenha entrada de dinheiro várias vezes em um mês.

Também não esqueça de aproveitar o melhor dia de compra do cartão de crédito, que sempre será um dia após o fechamento da fatura.

O período realmente existe e é uma alternativa para aquelas pessoas que desejam fazer um melhor uso desse meio de pagamento.

Isso acontece porque, ao comprar no melhor dia do cartão, é possível garantir até 40 dias para fazer o pagamento da fatura, “pulando” um mês e ganhando mais tempo para se organizar financeiramente.

Outro benefício em ter dois cartões de crédito é o fato de que alguns estabelecimentos não trabalham com determinadas bandeiras, sendo assim, fica mais fácil ter mais de uma opção no bolso.

Sem falar que, se você é do tipo de pessoa que ama viajar, ter dois cartões pode ser um bom investimento. Tenha um nacional e outro internacional, essa segunda opção facilita muito as compras fora do país e, até mesmo, para quem tem o costume de comprar em sites internacionais.

Cuidados para não se enrolar em dívidas no cartão de crédito

Com mais de um cartão de crédito é possível que a tentação por gastar e os riscos de  estourar o limite seja muito grande. 

Por isso,  analisar os prós e contras de obter mais de um cartão de crédito é essencial. E claro, ser franco consigo mesmo quanto ao fato de  se você realmente se considera  um  consumidor  consciente e organizado ou se tem o hábito de comprar por impulso.

Uma boa opção para não se atrapalhar com as dívidas no cartão de crédito é centralizar as compras em cada um deles. Por exemplo: um cartão você pode usar para compras do dia a dia e no outro somente para compras online.

Também não podemos esquecer de te alertar sobre os cartões de créditos oferecidos em lojas. Muitos varejistas costumam oferecer cartões com a justificativa de inúmeras vantagens ao cliente. 

O problema é que, na grande maioria das vezes, os juros cobrados acabam superando os valores das promoções.

Por fim, independente de quantos cartões você tiver, nunca atrase ou pague o valor  mínimo da fatura.

 Essas provavelmente são as mais importantes regras para quem não quer se enrolar com as dívidas de cartão de crédito. 

Sabemos que imprevistos acontecem. E que, infelizmente, podemos nos deparar com uma dívida indesejada. 

Neste caso, vale a pena pesquisar se não existe uma opção de empréstimo pessoal com juros mais baixos que o do cartão. 

Assim, você poderá optar por uma dívida menor, mais barata e acessível para o seu bolso.

Ficou interessado em saber mais sobre cartão de crédito? Assista ao video abaixo e aproveite essas orientações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo