Com o objetivo de criar produtos para venda e juntar dinheiro para a formatura, os alunos do 9º ano do Colégio Encanto Juvenil, Zona Sul de São Paulo, participaram na terça-feira, 2 de julho, de um Curso de Reaproveitamento de Resíduos, promovido pela Apraeco, empresa dedicada à reciclagem.


Ministrado pela coordenadora da Apraeco e Educadora Financeira DSOP Sandra Gobato, que contou com o apoio de Nilde Penha, colaboradora da empresa, o Curso ensina a produzir sacolas, caixas, porta-retratos e marcadores de página com produtos reciclados, como garrafas PET e CD’s. “Trata-se de uma iniciativa do Colégio para que os alunos possam produzir objetos para vender em uma feira de artesanato e juntar dinheiro para a formatura dele”, explicou Sandra.

De acordo com a diretora Pedagógica do Colégio, Cássia Lopes, o Curso veio de encontro com a necessidades dos alunos neste momento. “Quando visitamos o estande da DSOP na feira Educar / Educador, conhecemos o trabalho da Apraeco, que expôs os objetos criados com materiais reciclados. E o projeto da turma do 9º ano é realizar uma formatura com tudo que eles têm direito, com mestre de cerimônia, jantar de gala, baile e tudo mais. Então, os alunos começaram a buscar recursos para terem essa festa”, contou Cássia.

Baseando-se nos ensinamentos que tiveram durante as aulas de Educação Financeira, os alunos iniciaram uma mobilização para conquistar este sonho. “Tudo foi planejado conforme a Metodologia DSOP. Primeiro pensaram no sonho, que é a formatura. Diagnosticaram, ou seja, perceberam que precisavam agir para obter o valor. Depois orçaram, após muita pesquisa conseguiram um buffet com um preço acessível e com tudo incluso. E pouparam, fizeram todo o trabalho de investimento e empreendedorismo”, destacou a diretora.

Segundo Cássia, os alunos começaram a buscar a verba necessária para a realização da festa: “O primeiro trabalho realizado pela turma do 9º para obter dinheiro para a formatura foi uma Festa Junina. Eles produziram lanches e organizaram brincadeiras. Também veio um convidado que ensinou os alunos a produzirem fuxico, broches e outros acessórios. Além disso, na Páscoa, venderam rifas para sortear duas cestas de chocolate. Agora, em agosto, vão organizar uma feira de artesanato, onde vão vender produtos feitos por eles mesmo. O Curso vem para ajudá-los a terem esses produtos”, afirmou. E o trabalho vem trazendo resultado: “Eles têm uma dívida de R$ 11,5 mas, desse valor, R$ 4,5 já foi quitado”.

Na quarta-feira, 3 de julho, o Colégio terá mais um Curso de Reaproveitamento de Resíduos, oferecido para os demais alunos do 9º ano.

Por Pablo Ribera/ DSOP