Finanças pessoais, orçamento, planejamento, investimentos. Estes são temas que devem ser abordados desde a infância para que os pequenos se tornem adultos responsáveis financeiramente. Ao menos é o que defende o projeto “Sonhar, Planejar, Alcançar: Fortalecimento financeiro para famílias”, que visa melhorar a qualidade de vida de crianças e seus familiares de baixa renda. Cerca de 900 alunos de 3 a 6 anos são beneficiados pela iniciativa, que é realizada em dez unidades de ensino municipais do Recife, entre escolas, creches e creches-escolas. Os pequenos participam, dentro do projeto que dura um ano, de oficinas lúdicas, onde aprendem que, para alcançar os sonhos/desejos, precisam de planejamento. Em 2015, outras dez unidades de ensino participaram da ação.

Fruto de uma parceria da ONG Vila Sésamo, DSOP Educação Financeira, MetLife e da Secretaria de Educação do Recife, a ação oferece gratuitamente a formação de professores, material didático para a escola e alunos, além de palestras voltada para os pais e responsáveis. “O projeto foi concebido com o intuito de empoderar financeiramente as famílias e criar adultos que sejam organizados financeiramente e emocionalmente, contribuindo para a criação de uma geração de pessoas independentes financeiramente, que aprenderam desde cedo a lidar com o dinheiro de maneira saudável, para a realização de sonhos”, explica Viviane da Silva, educadora financeira da DSOP.

A Creche-escola Municipal Coelhinho Pensante, que fica em Santo Amaro, é uma das dez unidades da rede pública de ensino do Recife que participam da iniciativa, iniciada em 2015. “Falamos com os pequenos sobre o consumo consciente, sobre a diferença entre querer e precisar, ensinamos sustentabilidade, explicamos que não se deve desperdiçar energia, água, alimento. E, espertos como são, aprendem tudo, o avanço é notável”, explica a professora Renata Barbosa. A docente, que dá aulas para uma turma com meninos e meninas de 4 anos, explica ainda que todo o ensinamento é feito forma lúdica, de acordo com a idade das crianças.

Na casa da pequena Ysllainy, de 3 anos, o aprendizado continua com ajuda da mãe. “Apesar da pouca idade, ela já está começando a entender. Na nossa casa, nós duas temos porquinho, onde vamos colocando as moedas com o intuito de juntar para algo que ela quer”, explica a mãe Marcela Araújo, de 24 anos, contando que a festa de aniversário da menina foi custeada pelo cofrinho. Além disso, as duas preencheram uma árvore dos desejos com aquilo que querem comprar ou realizar. “Assim, vamos planejando para colocar em prática”, completa.

Além de impactar no futuro das crianças, o projeto de educação financeira também incentiva os pais a refletirem sobre os gastos. “Os familiares participam das palestras e recebem um material didático para continuar em casa o estudo. É uma construção, aos poucos os responsáveis pelas crianças estão entendendo o objetivo do projeto, internalizando o aprendizado e colocando em prática o que é falado aqui”, pontua a diretora da creche-escola, Viviane Menezes.

“Estou querendo comprar uma casa própria, assim, as lições de economia financeira que temos aqui estão servido para que eu possa planejar melhor e então alcançar esse meu objetivo”, conta Jackson Oliveira, 44 anos, avô de Magno Júnior, de 2 anos. “Somos sete na minha casa e todos estamos colocando em prática os ensinamentos. Até meu neto, ele não pode ver a geladeira aberta que vai fechar para não gastar energia”, conta Jackson.

Confira abaixo sites que podem ajudar na educação financeira infantil:

  • O Turma da Bolsa, da BM&FBOVESPA, mostra conceitos básicos de educação financeira por meio de conteúdos para crianças de 7 a 10 anos;
  • Bate-Bola Financeiro coloca as habilidades financeiras dos pequenos à prova através de um jogo de perguntas de múltipla escolha;
  • O Banco Central disponibiliza uma série de cartilhas para introduzir os temas com os pequenos;
  • No Bankids, o Banco das Crianças, os pequenos aprendem o valor do dinheiro e outros conceitos da educação financeira;
  • O site do Governo Federal disponibiliza gratuitamente para download três livros de educação financeira para crianças.

Fonte://m.noticias.ne10.uol.com.br/educacao/noticia/2016/09/25/projeto-leva-educacao-financeira-as-escolas-publicas-do-recife-639132.php

DEIXE SEU E - MAIL E RECEBA CONTEÚDOS EXCLUSIVOS