ArtigosCorporativoCursosEducação FinanceiraFinançasNotícias CorporativoPara voce

Pedagogo cresce profissionalmente com educação financeira

Para quem atua na área educacional, a busca por aprimoramento não é uma opção, é uma obrigação, caso contrário pode ter certeza de que haverá uma grande estagnação do profissional. Dentro desse contexto, e ampliando a questão, também existe a necessidade desses profissionais lidarem de forma inteligente com o dinheiro. Isto tudo mostra a importância de se aprender educação financeira.

Esse tema ainda enfrenta um pouco de preconceito por parte dos profissionais da área pedagógica, por diversos motivos, mas cito dois que acredito que são muito fortes. O primeiro é que as pessoas associam normalmente o tema a área de exatas, o que limita muito o grupo de profissionais interessados.

Por outro lado, muitas pessoas confundem o tema como se tratando de algo capitalista selvagem, lidando apenas com o objetivo de ficar rico e buscar o melhor investimento. Assim, afirmo de antemão, essas não são verdades.

Hoje, a educação financeira que já aplicada em muitas escolas é totalmente relacionada a comportamento e não com contas e números. Assim, envolve temas variados que são aplicados nas escolas, podendo ser implementado como apoio aos mais diversos campos do saber.

Além disso, o conteúdo de educação financeira trata de assuntos muito importantes atualmente, como sustentabilidade e sonhos. Lógico que pode envolver em parte a matemática também, pois, por vezes, são necessários cálculos e contas, mas o tema é muito maior que isso.

Mas, como a educação financeira pode auxiliar os pedagogos a crescerem profissionalmente? Como se pode observar, esse é um campo de atuação que traz grande complemento ao currículo desse profissional. A área também possibilita que se passe a atuar em novas áreas, lembrando que esse tema já é obrigatório para escolas e deve expandir ainda mais.

A capacitação em educação financeira também traz a possibilidade de se tornar uma forma de ganho extra para os profissionais, que podem participar de projetos e ações relacionados ao tema, até mesmo fora do escopo profissional atual.

Por fim, o que eu considero o maior investimento, uma pessoa que tem educação financeira, coloca a vida financeira em ordem, começa a se planejar melhor e passa a economizar mais e realizar mais sonhos. A organização das finanças pessoais também permite que se tenha menos problemas relacionados ao dinheiro, diminuindo as preocupações e aumentando a produtividade.

Como se pode ver, ao buscar o aprimoramento em educação financeiro o pedagogo dará um grande passo em sua vida, podendo abrir um caminho totalmente novo para o crescimento profissional e a sustentabilidade financeira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo