Orientações para um casamento feliz financeiramente!

PorReinaldo Domingos

Casar é somar energias, trocar, respeitar o outro e tolerar, mas e quanto ao dinheiro de um e do outro, como fica? Qual a melhor opção: dividir os gastos de casa ou juntar os dois ganhos e fazer um único orçamento financeiro? Independente da decisão, o que importa é que haja comprometimento com o que for decidido. Tudo começa com uma boa reunião familiar, colocando na mesa o que se ganha, o que se gasta e, principalmente, o que se quer realizar, sejam sonhos de curto, médio ou longo prazo.